653 PALAVRAS — 8 IMAGENS MULTIPLICADAS by Carta&Carta

 

Projeto experimental desenvolvido para a exposição O Que é Design? em cartaz na Electric Circus Studio — Fortaleza, Brasil. A publicação apresenta frases clássicas de autores renomados sobre o design. Em paralelo, exibe um conjunto de imagens e definições que provocam novas leituras sobre a função e o sentido dos objetos, num jogo semiótico que busca multiplicar leituras e interpretações. Nos dá então a possibilidade de entender que o design é fruto da capacidade humana de criar, recriar e ressignificar.

O propósito das imagens é dar significado ao mundo, mas elas podem tornar-se opacas a ele, cobri-lo e até mesmo substituí-lo. Pode ser um universo imaginário que não mais media o espaço entre o homem e o mundo, mas ser o próprio mundo. Vilém Flusser

Experimental project developed for the exhibition What is Design? at Electric Circus Studio - Fortaleza, Brazil. The publication features classic phrases from renowned authors on design. In parallel, it displays a set of images and definitions that provoke new readings about function and meaning of objects, in a semiotic game that seeks to multiply readings and interpretations. It gives us the possibility to understand that design is the result of the human capacity to create, recreate and re-signify.

The purpose of the images is to give meaning to the world, but they can become opaque to it, cover it and even replace it. May be an imaginary universe that no longer mediates between man and the world, but being the world itself.  Vilém Flusser

JANELAS DO TEMPO by Carta&Carta

 

DO PRESENTE O FUTURO E DO FUTURO O PASSADO

A prática ilustrativa dada na presente construção editorial tem como tema o tempo e as janelas, utilizando como pano de fundo a cidade do Porto - Portugal. São as horas, os lugares, as estações do ano, os relógios, a juventude e o próprio envelhecimento do homem e sua percepção emotiva da vida. O livro é organizado de forma a contar duas histórias paralelamente e faz uso de recursos gráficos para criar uma linguagem capaz de interligar as duas narrativas. Em Do Presente O Futuro encontramos as percepções juvenis de quem olha para frente e tenta imaginar o amanhã. Esta primeira parte caminha pelas estações primavera e verão. Na segunda parte, Do Futuro O Passado, a construção narrativa se baseia no olhar ao que já aconteceu, um arcabouço de memórias ligadas à juventude. Esta segunda parte acontece dentro das estações outono e inverno. É importante dizer que esta não é uma narrativa particular, ou seja, própria da personagem, mas uma reflexão mais abrangente sobre sentimento temporal. Todas os textos e ilustrações são de autoria de Felipe Goes, sob orientação do professor Rui Vitorino, da Escola de Belas Artes da Universidade do Porto. 

The illustrative practice in this issue talk about time and windows, using the city Porto - Portugal with backgroud. Here are places, seasons, watches, and time itself against the man and his emotional perception of life. The booklet is organized to tell two stories in parallel and makes use of graphical features to create a language able to connect the two narratives. In From The Present, The Future, the youth perceptions present from who looks ahead and tries to imagine a tomorrow. This first part goes through the spring and summer seasons. In the second part, From The Future, The Past, the narrative construction talk about someone looking at what happened, like memories about youth. This second part happens in autumn and winter seasons. It is important to say this history isn't a particular narrative about one character, but a comprehensive reflection human temporal sense. All texts and illustrations were produced by Felipe Goes, with professor Rui Vitorino guidance, at the School of Fine Arts, University of Porto.